segunda-feira, 9 de maio de 2011


Quero dar-te todas as provas de que é contigo que estou bem, que contigo é que é o meu lugar.
Quero dar-te todas as provas para que vejas como confio em ti incondicionalmente, como quero que estejas a par de tudo o que se passa á minha volta.
Quero dar-te todas as provas para que saibas que tu és quem mai
s me interessa, és o meu sentido, és um tudo.
Quero dar-te todas as provas para que tenhas bem ciente na tua mente que podes expressar-te sempre comigo, seja de que forma for, que me podes falar como quiseres e dizer o que queres.

Quero dar-te todas as provas para que saibas o quanto te admiro, o quanto me orgulho de ti e o quanto gosto que sejas simplesmente tu própria.
Quero dar-te todas as provas para que saibas que podes falar comigo sobre tudo pois eu, ao contrário de outros, não irei ficar chateada com nada, não me irei chatear ou sentir de alguma forma “inferior” devido ao assunto que queiras expor.
Quero dar-te todas as provas para que percebas que por ti dou o meu máximo, que faço tudo e mais alguma coisa sem nunca hesitar.
Quero dar-te todas as provas em como o que digo é sincero e verdadeiro, e quero que tenhas noção de que tudo o que te digo é sentido.

Quero dar-te todas as provas para que tenhas uma pequena noção do quão feliz me fazes, e para que tenhas a certeza que a razão da minha felicidade és somente tu.
Quero dar-te todas as provas para que saibas que farei tudo para nunca te magoar e para te proteger sempre.
Acredita que tudo o que necessito para me sentir feliz és tu. Mesmo que por vezes não acredites no que te digo, mesmo que por vezes aches que tenho atitudes parvas ou incompreensíveis, nunca duvides do quanto te amo, nunca duvides de tudo aquilo que eu te disse, desde o inicio até hoje. Sabes, melhor que ninguém, que tu és quem mais me interessa, és a pessoa a quem eu quero dar sempre o meu máximo em qualquer que seja a situação. Eu sei que por vezes, graças a
certas atitudes minhas, não tens muita vontade de falar comigo, não tens muita vontade de te expressar comigo e até te compreendo, mas também não quero isso, não quero ter certas atitudes que possas não gostar, não quero mesmo. Eu estou sempre aqui para ti, sempre pronta a ouvir-te e a ajudar-te e não quero que atitudes minhas façam parecer o contrário. Sei que não tens de estar constantemente disponível para mim, e compreendo-o, mas admito que me afeiçoei a ti de uma maneira inexplicável, e garanto-te que ninguém tem a plena noção do quão dependente de ti eu estou. Não quero mesmo por nada que um dia tudo isto acabe, não quero. Embora o ouça constantemente, embora leia constantemente que tudo acaba eu não quero que o “nós” acabe. Sei que ao dizer isto muita gente pode achar que eu penso que vivo num conto de fadas apenas por pensar num “para sempre”, mas se queres que te diga isso não me afecta absolutamente nada pois se a palavra “sempre” existe, por alguma razão o é. E se queres que te diga continuo convicta (tal como no primeiro dia) de que nós seremos um sempre, de que nós seremos a prova viva de que um “para sempre existe”.
Quero dar-te todas as provas possíveis e imaginárias de que jamais te deixarei ir, que te quero sempre a meu lado, e de que te amo como ninguém.

2 comentários:

Mariana * disse...

Digam o que disserem, o meu lugar é a teu lado <3 AMO-TE COMO NINGUÉM MINHA MELHOR !

Mariana * disse...

Consegues sempre dar-me as melhores palavras. Não tens noção do quanto eu necessitava destas tuas palavras agora.
Amo-te, e venha o que vier, nada mudará isso !