domingo, 5 de dezembro de 2010

Sou muito sentimental, muito mesmo (ou se preferirem lamechas pois é o termo mais utilizado). Para ser sincera gosto de o ser, gosto que as pessoas de quem gosto realmente, que me fazem sentir bem, especial, segura, saibam o quanto significam para mim. Não sou muito de extremos, não sou daquelas pessoas que ou amam ou odeiam, também existe casos assim, mas não sou, sou apenas directa, e o que cada pessoa faz e é, desperta um sentimento dentro de mim, e esse sentimento decide de certa forma as minhas acções e atitudes para com a pessoa. Não gosto de ser má, embora ás vezes sejam precisas umas palavras fortes e ásperas, e acreditem que ás vezes são bem precisas. Ás vezes ser sentimental de mais, também magoa, pois quem é sentimental, consegue ser muito magoado, e devido a esta característica, existem alturas em que nos sentimos muito mal, magoados, carentes, tristes. Mas é nessas alturas que sabemos que, devido ao facto de sermos sentimentais e de dizermos a quem amamos que as ama-mos, ser sentimental é bom, pois podemos contar com os que nos amam! Não tenham medo de mostrar que são sentimentais, de mostrar QUEM SÃO!

Sim, sou MUITO sentimental, e depois?

2 comentários:

Joo disse...

opposites always attract «3

simple mind disse...

Ser-se sentimental é bom eu acho.
Obrigada minha querida, é, o amor faz destas coisas.